EnglishEsperantoFrenchGermanItalianPortugueseSpanish
EnglishEsperantoFrenchGermanItalianPortugueseSpanish

famliaÉ pela educação que as gerações se transformam e aperfeiçoam. Para uma sociedade nova são necessários homens novos. Por isso, a educação desde a infância é de importância capital.
Não basta providenciar a instrução da criança. Ela deve aprender a se conduzir como ser consciente e racional. Isto é tão necessário como saber ler, escrever e contar.
É entrar na vida, armado, não só para a luta material, mas, principalmente, para a luta moral.
Para despertar na criança as primeiras aspirações ao bem, para corrigir um caráter difícil, são precisos, por vezes, a perseverança, a firmeza, uma ternura de que somente o coração de um pai ou de uma mãe pode ser capaz.
Essa tarefa, no entanto, não é tão difícil quanto se pensa, pois não exige uma ciência profunda. Grandes e pequenos a podem realizar, desde que se compenetrem do alvo elevado e das consequências da educação.
A criança é um Espírito milenar que traz tendências e uma bagagem espiritual de outras encarnações. A infância é o período em que o espírito é mais acessível e flexível às boas influências, que visam o desenvolvimento das virtudes eternas. Por isso, cabe aos pais, desde o nascimento dos filhos, a tarefa de evangelizar, com muito amor, os Espíritos que lhes são confiados.
Estudemos, pois, desde o berço, as tendências que a criança trouxe das suas existências anteriores. E com base nessas observações, vamos desenvolver junto a elas as virtudes e aniquilar os vícios.
Que não nos detenham a fadiga, nem o excesso de trabalho.
É importante preparar a criança para o mundo material, instruindo-a intelectualmente. Mas, é essencial evangelizá-la, educando-a moralmente, a fim de que adquira hábitos salutares. Assim, a bondade, o amor, o perdão, a caridade e a solidariedade são alguns dos valores eternos que devem ser cultivados desde a mais tenra infância.
Os pais são o primeiro exemplo dos filhos. Necessário, pois, evangelizarem-se, para se tornarem fonte de vibrações positivas e atitudes equilibradas, contribuindo, assim, para a sua própria evolução e para o crescimento moral e espiritual daqueles com quem convivem.
Sendo a educação o conjunto dos hábitos adquiridos (O Livro dos Espíritos, questão 685) que deve ter na sua base o Evangelho de Jesus, buscando a formação do indivíduo como ser integral, a Evangelização de crianças e jovens exerce importante papel, reforçando os valores preconizados pelos pais.
Lembrando que é dever dos pais dirigirem seus filhos ao bom caminho: evangelize, trabalhe com Jesus!  Lembrai-vos de que a cada pai e a cada mãe perguntará Deus: que fizeste do filho confiado à vossa guarda?
Auxiliemos a transformação social. Transformemos a face do mundo, pelo caminho da educação.
Fonte: Departamento de Comunicação Social da Liga Espírita Pelotense.

“Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para nossos filhos e, esquece-se da urgência de se deixar filhos melhores para nosso planeta” Chico Xavier

Publicado na coluna da Liga Espírita Pelotense – em 03 de Novembro de 2013 – JORNAL DIÁRIO DA MANHÃ.

 

Loja de Livros

Procure um Livro

Publicações Recentes